terça-feira, 28 de junho de 2011

Alergia Alimentar acomete mais os filhos mais velhos

 leite

Meu filho uma alergia a mel que o deixa com problemas na pele. Pesquisando sobre o assunto , fiquei sabendo de uma pesquisa de japoneses a revelando que os filhos mais velhos tem mais chance de serem alergicos que os caçulas. Isso porque o útero seria capaz de gerar organismos com sistema imunológico cada vez mais forte a cada gestação. Entre os irmãos mais velhos, 4% manifestam alergias alimentares. Dentre as crianças nascidas em segundo lugar, 3,5% apresentam o problema. No caso dos terceiros filhos o percentual é de 2,6%. Segundo a pesquisa, quanto mais longínquo do irmão mais velho for o lugar na ordem do nascimento, menores serão as probabilidades da criança apresentar  alergias . Mas será que sempre foi assim, ou nossa alimentação atual anda dando uma ajudinha à alergia? O que será que anda causando tanta alergia alimentar?Só nos Estados Unidos, 5,9 milhões de crianças e adolescentes com menos de 18 anos sofrem de algum tipo de intolerância.

Além da manifestação na pele, a alergia ataca também o estômago, pode fechar a garganta, causar tonteira e dores de cabeça. O tratamento consiste basicamente em evitar os alimentos causadores da crise mas podem ser usados medicamentos para aliviar os sintomas em caso de ingestão acidental. Os alimentos que mais causam alergias são ovos, peixes, farinha de trigo, leite de vaca, soja e crustáceos. e . Em alguns casos de ingestão de alimentos  como crustáceos, leite de vaca, amendoim, e nozes pode ocorrer reação anafilática (choque). Como se vê a alergia alimentar é perigosa pois o alérgico precisa ficar muito atento ao consumo de alimentos que possam conter a substância recusada pelo seu organismo. É importante alertar a escola e pessoas que cuidem da criança para a existencia de alergia.  A parte boa da notícia é que parte das crianças que sofrem de alergia alimentar deixam de apresentar a intolerância entre 3 e 5 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, debata conosco, deixe sua opinião. Mãe é tudo igual agradece.

Web Analytics ▲ Topo