segunda-feira, 7 de junho de 2010

Consumo Consciente de Brinquedos


Semana do meio ambiente, muito se fala de aquecimento global e para onde caminha o mundo. Começar a discussão dentro de casa, falando aos pequenos sobre o que podemos fazer para entregar a eles, quando adultos, um mundo melhor, é o melhor caminho que conheço. Nos preocupamos tanto com a quantidade e qualidade de estímulos que seremos capazes de fornecer a nossos filhos para que sejam capazes de desenvolver suas potencialidades. Compramos livros, cds, brinquedos aos montes para que eles conheçam, vejam, experimentem, vivenciem de tudo. E são tantos brinquedos que a industria hoje oferece, em diferentes materiais. Segundo a indústria de brinquedos, os pequenos consumidores são exigentes e, em média, uma criança pode perder o interesse por um brinquedo novo em, 7 dias.

Será mesmo que eles precisam de tantos brinquedos diferentes industrializados? Provavelmente, não. O ato de brincar é fundamental para o desenvolvimento infantil e os brinquedos são ferramenta essencial nesta dinâmica. É preciso estar mais atento a função específica de cada brinquedo e sua qualidade, que é mais importante que a quantidade.Uma  ideia e a de listar as categorias que são interessantes, que trabalhem as diferentes capacidades das crianças e então comprar apenas o que realmente interessa.


Será que podemos fazer os brinquedos de nossos filhos em casa? Segundo Christopher Clouder e Janni Nicol , dirigentes da Federação das Escolas Steiner Waldorf do Reino Unido e Irlanda, autores dos livros Brincadeiras criativas para o seu bebêBrincadeiras criativas para seu filho editados no Brasil pela Publifolha " Deve-se respeitar a sabedoria da natureza e permitor que o desenvolvimento da criança siga seu curso, fortalecendo-o em vez de tentar substituí-lo por uma forma prematura de pensamento, que é , afinal de contas, a base sobre a qual a lógica adulta repousa finalmente" A pedagogia Waldorf, criada na Alemanha em 1919, está presente no mundo inteiro. Para saber mais, clique aqui . No livro, os educadores apresentam explicações passo a passo para fazer manualmente mais de 20 brinquedos em casa. Alguns podem ser confeccionados junto com as crianças o que torna a brincadeira ainda mais divertida. Recomendo. E para não alongar demais, continuo o assunto no próximo post.



3 comentários:

  1. Nossa que interessante!
    Eis um livro bom para todos os pais!!!
    Com certeza, quando cehgar minha hora, vou comprar o meu.rs

    bj

    ResponderExcluir
  2. Sem contar que fazer o brinquedo já é uma brincadeira muito mais legal que abrir uma caixa, né?

    ResponderExcluir
  3. Sem contar que fazer o brinquedo já é uma brincadeira muito mais legal que abrir uma caixa, né?

    ResponderExcluir

Comente, debata conosco, deixe sua opinião. Mãe é tudo igual agradece.

Web Analytics ▲ Topo